11 janeiro 2013

Resenha #8

Ola, trago a resenha de um livro realmente incrível, Estilhaça-me.


..:: Sinopse ::..

 Estilhaça-me - Tahereh Mafi
Juliette não toca alguém a exatamente 264 dias. A última vez que ela o fez, que foi por acidente, foi presa por assassinato. Ninguém sabe por que o toque de Juliette é fatal. Enquanto ela não fere ninguém, ninguém realmente se importa. O mundo está ocupado demais se desmoronando para se importar com uma menina de 17 anos de idade. Doenças estão acabando com a população, a comida é difícil de encontrar, os pássaros não voam mais, e as nuvens são da cor errada. O Restabelecimento disse que seu caminho era a única maneira de consertar as coisas, então eles jogaram Juliette em uma célula. Agora muitas pessoas estão mortas, os sobreviventes estão sussurrando guerra – e o Restabelecimento mudou sua mente. Talvez Juliette é mais do que uma alma torturada de pelúcia em um corpo venenoso. Talvez ela seja exatamente o que precisamos agora. Juliette tem que fazer uma escolha: ser uma arma. Ou ser um guerreiro.





..:: Resenha ::..

Confesso que quando vi este livro pela primeira vez tive um enorme preconceito. Mas queime minha boco hihihi.

Este livro simplesmente foi surpreendente. A historia trata-se de uma garota de 16 anos, que foi deixada pelos pais em uma clinica psiquiatra.
A garota Juliette desde sempre foi tratada como uma aberração. Não podia ser tocada. Seu toque possui um poder incrível e depois de ser autora de um assassinato foi mantida presa neste hospício, desde então não teve contato com outro humano. Ate a chagada de Adam. Ele foi mantido preso com ela ali, mas obviamente com um propósito.

Aos poucos a historia se transforma aos poucos em algo surpreendente. Nos e valida ressaltar que a mesma não se trata apenas de um romance.

Este livro me levou a outros horizontes, amando um novo modo de ver a escrita e a leitura.

Algo realimente interessante, é a forma como a autora trata a forma de dialogo interno e sentimentos da personagem. Riscos são postos nas frases a que a mudança de humor de Juliette.

ex:
Queria que ele me toca-se . Ele não pode me tocar.


Isso me deixou vidrado e amando cada risco, cada palavra, vale muito a pena ler.

Uma frase é dita no livro e para mim, o momento da aparição deste me foi muito tocante, foi uma das melhores partes do livro.

"Haverá um pássaro. Ele será branco com listras de outro igual a  uma corroa sobre a cabeça. Ele voará"

A aparição deste pássaro foi realizador a mim. vale muito a pena.

Apenas um ponto de livro a meu ver se torna devedor. As pausas sobre o foco do tema principal. Mas logicamente que isso e relevado pela Ótima (repito) ótima forma de escrita. Após ler a ultima folha e fechar o livro minha vontade era de reabriu e recomeçar.

Recomendo a todos sem exceção. 
Você tem que gosta. Espero que gostem ^^ 









6 comentários:

  1. Amei o livro! Só sosseguei quanto consegui acabar com ele, foi viciante! E confesso que os 3 personagens principais me agradaram bastante, até o malvado do Warner, e sei que não fui a única!

    Beijos
    @pocketlibro
    pocketlibro.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente, adorei tudo ^^, até mesmo Warner ... livro maravilhoso que muito o segundo.

      Excluir
  2. Oiii, aiiiiin, ainda não acredito que estou com esse livro aqui na estante e ainda não parei para lê-lo....adorei a resenha e fiquei muito mais curiosa....

    Beijos da Táta

    http://umdiaacadalivro.blogspot.com.br
    @umdiaacadalivro

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Só tenho uma coisa a dizer, Leia. kkkk ele é muito bom mesmo..

      Excluir
  3. Não consigo comprar esse livro! Sempre dou preferências para outros, e acabo deixando pra depois e depois e depois... Apesar de só falarem bem!
    Beijo,
    Nic

    ResponderExcluir
  4. Olá ;)

    Adorei o seu blog, é a resenha fico ótima, quero muito ler esse livro.
    Já estou seguindo o seu blog, é convido você pra seguir o meu também. :)

    http://pensamentoliterario5.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir